A Chahada ou Testemunho de Fé do Muçulmano

 

 

A "Chahada" ou o Testemunho de Fé do Muçulmano

 

"La ilaha ila Allah; Muhamadur-rasul Allah", o testemunho de fé do muçulmano.

 

O primeiro pilar do Islã é que o muçulmano declare sua fé através da "chahada" ou testemunho de fé, também conhecido como "Kalima":

"La ilaha ila Allah; Muhamadur-rasul Allah".

Em português:

"Afirmo que não existe deus a não ser Allah e que Muhamad é Seu Mensageiro."

Esta declaração consiste de duas partes. A primeira se refere a Deus, o Criador de tudo, o Senhor dos Mundos; a segunda ao Mensageiro, Muhamad (SAWS) um profeta e ser humano, que recebeu a revelação através do anjo Gabriel.

Pelo pronunciamento sincero da  "Chahada" o muçulmano reconhece Allah como o único Criador de tudo, e a Autoridade Suprema sobre tudo e todos no Universo. Esta atitude implica na rejeição à adoração não apenas de deuses ou deusas pagãos de madeira e pedra e criados pela mão humana, ela se estende a todas as outras concepções, superstições, ideologias, estilos de vida e figuras ou autoridades que clamem devoção, lealdade, confiança, amor, obediência ou adoração.

Inclui por exemplo, a rejeição à crença em astrologia, leitura de mãos, amuletos da sorte, assim como orações em templos ou túmulos de "santos" e pedidos às almas dos mortos para interceder junto a Deus. Não existem intercessores no Islã nem qualquer tipo de classe eclesiástica.

A crença na profecia de Muhamad (SAWS)  significa crença na orientação trazida por ele e contida em sua "Sunnah" (tradições de seus ditos ou ações) e exige do muçulmano a intenção de seguir esta orientação fielmente. Muhamad (SAWS) era um ser humano, um homem com sentimentos e emoções, que comia, bebia e dormia. Que nasceu e morreu como outros homens. Tinha uma natureza pura e elevada, extraordinariamente correta e uma fé inabalável em Allah e seu compromisso com o Islã, mas não era divino. Os muçulmanos não oram a ele, nem mesmo como intercessor, e abominam o termo "maometano".

 

Elaborado por Maria C. Moreira, webmistress do Islamic Chat.

Fonte: Livro "Introduction to Islam" - Islamic Affairs Department - The Royal Embassy of Saudi Arabia.

 

Home                                            Artigos